Era dia da Mãe e o menino João tinha passado a noite toda a pensar no que deveria e o que poderia

oferecer à sua Mãe.

Ele queria que este dia fosse muito especial, pois  queria agradecer todo o amor, carinho, paciência e o esforço que a sua Mãe tinha tido para com ele.

E logo de manhã levantou-se muito cedo e foi ao jardim, colher muitas flores, entrelaçou-as e escreveu a palavra Mãe com elas, tinha ficado um arranjo  muito bonito, ele estava impaciente para o entregar à sua Mãe.

Chegou a hora de oferecer aquele arranjo à sua Mãe, pois ela tinha acabado de se levantar, ele estava um bocadinho envergonhado e a tremer das suas mãozitas à espera da sua Mãe.
Quando a Mãe viu aquele arranjo, abraçou o menino com tanta ternura que o menino sentiu que tinha retribuído todos aqueles sentimentos num gesto tão pequenino e disse para a Mãe:
 - Gosto muito de ti mamã!
O menino olhou para a Mãe e viu aquele brilho nos olhos  e aquele sorriso na face que só o Amor de Mãe tem.

 

 

 

 

Alexandre Santos, 2º Ano

Escola de Colmeias

1 de Maio de 2011

tags:
publicado por escapameldascolmeias às 01:30