Era uma vez uma aranha de estimação, o seu dono era um vampiro. A aranha morava num castelo.

Um dia, a aranha apercebeu-se que o seu dono estava a fazer uma mistela mágica.

Essa mistela era para transformar a aranha num morcego.

O vampiro tentou dar a mistelaà aranha, mas a aranha escondeu-se. O vampiro foi encontrá-la ao pé do sino do castelo. Como a aranha era esperta fugiu.

Depois ela colocou outro ingrediente na mistela e modificou-a, assim a primeira pessoa que lhe tocasse era amaldiçoada.

O vampiro tocou na mistela e ficou com a maldição transformando-se em lobo.

A maldição só passava se alguém tocasse o sino à meia-noite nas doze badaladas. E a aranha viveu feliz para sempre. 

 

Escritora: Lara Cordeiro

Aluna do 3ºano Da escola de Colmeias

 

 

publicado por escapameldascolmeias às 00:57